20201117 AdrianoRosadaRocha CaesAdocaoCanil abre
Fotos: Adriano Rosa da Rocha
Um dos períodos que mais causam preocupação ao setor de Bem-estar Animal, da Prefeitura de Esteio, é o começo de verão. Nessa época, muitas famílias viajam e abandonam cães e gatos nas ruas, aumentando, assim, o número de animais que precisam de atendimento veterinário. Atualmente, as baias do canil municipal estão praticamente lotadas, com cerca de 50 cães. Com isso, as busca por novos tutores têm se intensificado. Até outubro de 2020, o BEA registrou 22 adoções, sendo 17 cães e cinco gatinhos.

Conforme a coordenadora do setor, a bióloga Luciane Baretta, o número de adoções surpreendeu, especialmente por conta dos felinos. “Não temos um “gatil”, mas atendemos a todos os animais que chegam aqui, vítimas de maus-tratos ou abandono. No entanto, ao mesmo tempo que comemoramos, há uma preocupação grande, pois as pessoas precisam se conscientizar do crime que estão cometendo”, afirmou.

Luciane explicou que no canil municipal tem uma rotatividade muito grande de animais, por isso a importância de mobilizar a comunidade para adoção animais. “Estamos hoje com aproximadamente 50 cachorros que precisam muito de um lar, pois há uma rotatividade grande, devido à quantidade de cães que são atendidos diariamente e que precisam de tratamento nas baias”, explicou. “Muitos deles acabam ficando aqui, porque não tem condição de retornar para o seu lugar de origem”.

A bióloga disse, ainda, que quando o número aumenta muito, há uma preocupação tanto por questões de saúde dos animais, quanto pela falta de estrutura. “Temos nosso limite. Por isso é fundamental que a comunidade se engaje. São animais queridos, tratados e que só precisam de carinho e amor”, observou.

O espaço está operando em sua capacidade máxima, em função da falta de responsabilidade dos tutores dos animais que os abandonam pela cidade, principalmente em período de férias. Abandono de animais é crime, conforme a legislação federal, sujeito a multas e até prisão de três meses a 1 ano. Para reforçar esta mensagem, a Prefeitura esteiense lançou, em 2018, a campanha "Bicho não é brinquedo, sente fome, frio e medo”.

Cerca de 60 paradas de ônibus da cidade receberam cartazes incentivando o registro destas denúncias, para apuração e punição dos responsáveis. Os cartazes informam que “Abandono de animais é crime”, conforme a Lei Federal 9.605/98. O ato prevê multas e pena de prisão de três meses a 1 ano. “Ao flagrar uma cena de abandono, fotografe ou grave e registre ocorrência na Polícia Civil, Brigada Militar ou Ouvidoria da Prefeitura”, é a informação que consta, ainda, no cartaz.


Um filho especial
Uma das preocupações do setor de Bem-estar Animal é encontrar um lar para o João Vitor, que está em um lar de passagem. O gatinho é felv positivo, doença contagiosa entre felinos e, por isso, precisaria ser adotado por uma família que não tenha outros gatos. “Ele é um paciente que veio muito mal para o nosso canil, resgatado na Rua Pelotas, muito debilitado. Aqui recebeu todo atendimento necessário, está em plenas condições de saúde, mas trata-se de uma adoção muito especial” ressaltou Luciane. 


Adote um melhor amigo
Quem estiver pensando em ter um bichinho de estimação deve, antes de tudo, pensar em uma série de questões relacionadas à adoção responsável. Interessados, que tiverem condições financeiras e de acomodação, além de muito amor para dar, podem acessar o site do Catioro Go! A página, lançada pela Administração Municipal em 2016, apresenta a foto, o nome e o sexo do cachorrinho. Para adotar pelo site, basta clicar em “Capturar Catioro” e fazer o login em uma conta do Facebook. O candidato a adotante terá sete dias para buscar o cãozinho no canil. Caso passe o prazo, o cão voltará para a página e ficará disponível para adoção por outra pessoa.

Quem não tiver perfil no Facebook ou não quiser fazer login na rede social poderá também “capturar o catiorineo”. Para isso, basta ligar para o telefone (51) 3433-8180 e falar com a coordenadora Luciane Baretta. Por esta forma, também é aberto prazo de sete dias para que a pessoa busque o animalzinho. O Canil Municipal de Esteio, mantido e operado pela Prefeitura, fica na Av. Luiz Pasteur, 7275, Bairro Três Marias, junto ao Galpão da Cootre e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Para adotar, é necessário ser maior de idade, apresentar RG, comprovante de residência e assinar o termo de adoção.

gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1