20200321 GaboRodzinski acaonaruaguardamunicipal Abre
Fotos: Gabriel Rodzinski
A Guarda Municipal realizou rondas nas ruas de esteio e fiscalizou alguns estabelecimentos comerciais que estavam descumprindo o Decreto Municipal nº 6.548, anunciado nesta sexta-feira (20). A medida visa coibir a abertura dos espaços que não são considerados serviços essenciais, e que descumpram as determinações do documento que traz, entre outras deliberações, bem como a proibição da circulação, nas vias e logradouros de Esteio, de idosos com idade igual ou superior a 60 anos. Os deslocamentos de pessoas nesta faixa etária só é permitido para fins de alimentação, aquisição de medicamentos, atendimentos bancários e de saúde.

Durante a atuação da GM, idosos que não estivessem cumprindo as regras estabelecidas pelo decreto, foram abordados e orientados a retornarem para suas casas, recomendando que buscassem grupos familiares, afetivos ou voluntários para auxiliar, quando possível, nessas tarefas. "Entre as abordagens, conversamos com um senhor de 82 anos, com problemas respiratórios, que disse ter saído para colocar crédito no celular. Para além da idade, as suas características de saúde o deixam mais vulneráveis ao contágio e agravamento. É importante que as famílias estejam atentas e se disponibilizem a atender essas pessoas", disse o guarda municipal, Rodrigo Pinedo, que atuou na abordagem.

Outra idosa de 74 anos, estava na avenida Presidente Vargas, justificou que precisava buscar exames de saúde e ir ao mercado. "Sabemos que é muito difícil manter essas pessoas em casa. Mas é uma questão de saúde e preservação da saúde e da vida dessas pessoas", disse Nunes.

Dois estabelecimentos comerciais precisaram apresentar o alvará de funcionamento, comprovando que se enquadram dentro do especificado no decreto e, um restaurante que estava atendendo normalmente, também foi orientado a prestar o serviço conforme determina o documento: tele-entrega ou atendimento sem acesso ao interior do estabelecimento.

Decreto

O texto suspende ainda todas as atividades econômicas de comércio e de prestação de serviços em Esteio, excluindo mercados, supermercados, farmácias, postos de combustíveis e serviços de saúde (esta regra se aplica, também, a clínicas veterinárias). Restaurante, bares e lanchonetes só poderão atender em tele-entrega ou para retirada no local (agropecuárias e pet shops se enquadram nesta situação).

Ficam proibidas, também, as atividades de atendimento ao público em estabelecimentos bancários, lotéricas e similares. Será permitido o funcionamento dos terminais de auto-atendimento e o atendimento mediante agendamento individualizado, desde que se evite a aglomeração de pessoas.

A Prefeitura suspendeu, ainda, a circulação de todas as linhas, horários e itinerários dos ônibus do transporte coletivo municipal aos sábados e aos domingos. Em outra medida do decreto, a Unidade Básica de Saúde (UBS) Nickollas Gomes (Centro) não abrirá aos sábados por tempo indeterminado.

O descumprimento sujeitará os infratores, de forma cumulativa, às penalidades de multa, interdição total ou parcial da atividade e cassação de alvará de localização e funcionamento, nos termos da Legislação Municipal. O texto permite, caso necessário, o uso de força policial para fazer valer as medidas.

As novas providências se somam às dos quatro decretos editados pelo prefeito ao longo desta semana, divulgando iniciativas para evitar a propagação do coronavírus. Na segunda-feira (16), o decreto nº 6.535 (saiba mais) criou um comitê para acompanhamento da endemia e as primeiras iniciativas, as quais foram ampliadas com o decreto 6.536 (saiba mais), da terça-feira (17). No fim da tarde de quarta (18), outros dois textos foram publicados: os decretos 6.538 (saiba mais), com a suspensão de atividades presenciais não essenciais na Prefeitura, e o 6.539 (saiba mais), com medidas para restringir a circulação de pessoas na cidade.

Conforme o boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde desta quinta-feira (19), Esteio tem dois casos suspeitos da doença e dois casos descartados. Até este momento, o Município não tem casos confirmados.

Secretaria  orienta  moradores a evitarem a Emergência do Hospital e disponibiliza telefones e e-mail para responder dúvidas 

O telefone 3459-4723 e o e-mail esteiocoronavirusinfo@gmail.com foram criados para que sejam sanadas dúvidas em relação à doença e também comunicado possível caso de coronavírus. É possível obter informações, também, ligando para o número geral da Secretaria Municipal de Saúde, 3473-6377, e escolhendo a opção 1 (informações sobre o coronavírus).

Todas as unidades da rede municipal de Saúde estão preparadas para prestar esclarecimentos e encaminhar atendimento para possíveis casos, mas a solicitação do comitê é de que as pessoas com suspeita de estarem com o Covid-19 utilizem o telefone para buscar atendimento e orientações. Se ela fizer parte do grupo de riscos, uma equipe da SMS vai até a casa do paciente coletar materiais para o exame, que serão enviados ao Laboratório Central do Estado (Lacen), para a realização dos testes. Se o resultado der positivo, o paciente receberá toda a atenção necessária e intervenções adequadas para seu caso. A emergência hospitalar deve ser utilizada apenas para pessoas que estejam em estado grave.

Medidas do decreto 6.548/2020

- Proibida a circulação, nas vias e logradouros de Esteio, de idosos com idade igual ou superior a 60 anos (exceto saídas para alimentação, compra de medicamentos, atendimentos bancários e de saúde)
- Suspensas todas as atividades econômicas de comércio e prestação de serviços, incluindo restaurantes, bares e lanchonetes (exceto tele-entrega e retirada no local, com restrições à aglomeração de pessoas)
- Podem atuar mercados e supermercados, farmácias, postos de combustíveis e serviços de saúde
- Proibido atendimento ao público em estabelecimentos bancários, lotéricas e similares (permitido o uso de auto-atendimento e o atendimento mediante agendamento individualizado, com restrições à aglomeração de pessoas)
- Suspenso o funcionamento aos sábados da UBS Nickollas Gomes (Centro)
- Suspensa a circulação do transporte coletivo municipal aos sábados e domingos

Clique aqui para acessar o texto na íntegra

Coronavírus (Covid-19)

Dúvidas e comunicação de suspeitas
Telefones: 3459-4723 e 3473-6377 (opção 1 - informações sobre o coronavírus)
E-mail: esteiocoronavirusinfo@gmail.com
Site especial da Secretaria Estadual da Saúde: saude.rs.gov.br/coronavirus
Aplicativo Coronavírus - SUS (Ministério da Saúde): disponível nas lojas de aplicativos App Store (iOS) e Google Play (Android)

gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1