20190710 EduardoBarattoLeonardi SalaInovacao abre
Fotos: Eduardo Baratto Leonardi
Com uma visita do prefeito e secretário municipal de Educação interino, Leonardo Pascoal, as escolas municipais de Educação Básica (EMEB) Camilo Alves, Dulce Moraes e Vila Olímpica abriram, nesta quarta-feira (10), suas Salas de Inovação. As três instituições de ensino concluíram a transformação dos antigos laboratórios de informática no novo setor e passam a contar, agora, com um espaço dinâmico e moderno, no qual professores e alunos poderão trabalhar os conteúdos de uma forma mais interativa, aproveitando ferramentas digitais.

 

“Quando elaboramos este projeto, pensamos não apenas o espaço físico, mas também uma proposta de trabalho a ser realizado nestes ambientes. Vamos começar com os computadores e as aulas de robótica, mas já estamos levantando novas ideias para aplicar na Sala de Inovação. Temos o desafio de oferecer novas formas de aulas, que sejam mais atrativas para os alunos”, comentou Pascoal. “Que o uso desta sala permita a qualificação do ensino de nossos alunos e proporcione uma melhor formação a eles, para que eles venham a ser cidadãos que contribuam, no futuro, ainda mais para o desenvolvimento de Esteio”, complementou.

 

A Sala de Inovação é equipada com Chromebooks, pequenos laptops com acesso à plataforma Google for Education voltados para uso em sala de aula, adquiridos após parceria entre a Prefeitura de Esteio e a Google, que permitem a utilização de recursos multimídia no ensino. Além disso, será neste espaço que os alunos do sexto ao nono ano do Ensino Fundamental terão aulas de automação, nas quais utilizarão os kits de robótica entregues pela SME no final de março.

 

Para o uso dos recursos, a Administração Municipal investiu em internet Wi-Fi de 50 Mb, adaptação elétrica e inclusão de luminárias potentes para melhorar a iluminação do espaço. O setor é composto por uma bancada, onde ficam os computadores, tapetes de EVA e também puffs, com uma decoração inspirada em ambientes internos de empresas de tecnologia do Vale do Silício, nos Estados Unidos.

 

A primeira Sala de Inovação foi inaugurada no início do mês de maio na EMEB Eva Karnal Johann. Outras três escolas, Clodovino Soares, Santo Inácio e Maria Marques, já estão com reformas em andamento para a criação da Sala de Inovação. O trabalho para transformar os antigos laboratórios de informática no novo ambiente envolvem adequações na estrutura elétrica e de informática, pintura e aquisição de novo mobiliário. “Temos como meta que todas as escolas de Educação Básica tenham sua Sala de Inovação até o final do ano. A proposta é inaugurar três salas por mês”, explicou Pascoal.

 

Texto: Eduardo Baratto Leonardi

 

gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1