20181204 IngridKasper PalestraIdentidadeGeneroOrientacaoSexual abre
Fotos: Ingrid Kasper
Com os laços vermelhos no lado esquerdo do peito, cerca de 80 servidores da rede pública de saúde de Esteio marcaram presença na Câmara de Vereadores na manhã desta terça-feira (4). Os funcionários participaram da palestra sobre identidade de gênero e orientação sexual no cotidiano dos atendimentos da Prefeitura Municipal. A atividade integra o calendário de ações alusivas ao Dezembro Vermelho, promovido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através do Serviço de Assistência Especializada em DST HIV-AIDS (SAE). O palestrante foi o mestre em psicologia Jean Ícaro Pujol.

A secretária de Saúde Ana Boll enfatizou que o atendimento deve ser realizado de forma igualitária para todos. “Devemos tentar trabalhar da melhor forma possível com as pessoas que são diferentes de nós. Optamos por trabalhar com pessoas, escutá-las, olhar nos olhos delas. É nosso dever atender da melhor forma possível todas as pessoas que nos procurarem, em todos os momentos, independentemente da nossa religião, orientação sexual, raça, etc” comentou. Ana destacou ainda que consta como princípio do Sistema Único de Saúde (SUS) o direito à saúde. “No momento do atendimento, não estamos ali para julgar ninguém. Estamos ali para olhar para saúde, entender e analisar as especificidades de cada um. O SUS tem princípios e um deles é esse, de que cada cidadão tem o direito de receber a saúde de acordo com a sua necessidade. Temos que trabalhar com o respeito às diferenças”, finalizou.

Pujol destacou em sua palestra as constatações científicas sobre o tema. “O preconceito é uma resposta que temos a uma série de fatores que são despertados quando temos um determinado estímulo, o que leva a uma atitude positiva ou negativa em relação àquele grupo. É quando olhamos para uma pessoa e isso despertar uma série de pensamentos e suposições sobre ela. O preconceito já foi avaliado até em nível cerebral, onde já conseguimos mapear centralmente quais são as atividades cerebrais que justificam uma atitude de preconceito”, afirmou.

Para a agente comunitária de saúde Daiane de Oliveira Garcia, de 37 anos, o tema é fundamental nos dias atuais. “Participamos de vários eventos ao longo do ano, alusivos às cores de cada mês e o Dezembro Vermelho é um deles. Acho de grande importância a promoção esses eventos por conta do preconceito que muitas vezes é mantido pelas pessoas. É de vital importância ser discutida a melhor maneira de conviver com isso”, disse a trabalhadora da Unidade Básica de Saúde (UBS) Pedreira.

O público recebeu também informativos sobre a campanha desenvolvida pelo SAE baseado no Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (UNAIDS). Até o dia 15 de dezembro, ocorrerão outras atividades que integram o calendário (veja mais informações abaixo). Nesta quarta-feira (5) será realizada uma roda de conversa aberta ao público na Academia de Saúde da Avenida do Carnaval (Av. Gov. Ernesto Dornelles com Osmar Fortes Barcelos), às 14h30min, sobre o tema.

O Dia Mundial de Luta contra a Aids foi instituído pela Assembleia Mundial de Saúde, em outubro de 1987. O Brasil passou a adotar a data no ano seguinte. O objetivo é alertar para os riscos da doença e orientar sobre formas de contágio, quebrando o preconceito e a discriminação em relação às pessoas infectadas.


Campanha Municipal de Luta contra AIDS 
Quando: Quarta-feira (5), 14h30min
O que: Roda de conversa: Prevenção do HIV
Local: Academia de Saúde (canteiro central da Av. Gov. Ernesto Dornelles, entre as ruas Osmar Fortes Barcellos e Gilda de Abreu)

Quando: Quinta-feira (6), no turno da manhã
O que: Campanha de testagem rápida para HIV
Locais: UBS Novo Esteio (Celina Chaves Kroeff, 405 - Novo Esteio) e UBS Ezequiel (Rua Ezequiel Nunes Filho, 79 - São Sebastião)

Quando: Sexta-feira (7), no turno da manhã
O que: Campanha de testagem rápida para HIV
Local: UBS Votorantim (Rua Ayrton Senna da Silva, 229 - Votorantim)

Quando: 15 de dezembro
O que: Campanha de testagem rápida para HIV e roda de conversa sobre Aids
Local: UBS Cruzeiro (Rua Hortêncio Guilhermino Batuta, 52 - Vila Cruzeiro)

gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1