20180620 LucianaAbdur AulasTeoricasVacinaBCGSaoCamilo abre
Fotos: Luciana Abdur
Devido a mudanças no fornecedor das vacinas BCG utilizadas na Fundação de Saúde Pública São Camilo de Esteio (Hospital São Camilo), a instituição promoveu, nesta quarta-feira (20), uma aula teórica sobre a imunização. Com a participação de 20 enfermeiros e técnicos em enfermagem, o treinamento é necessário pois, com a alteração, há diferenças nas doses e na forma de aplicação. Outros servidores já haviam feito a capacitação no último dia 13.

A vacina é fundamental para a proteção contra a tuberculose em recém-nascidos. De acordo com a enfermeira Viviane Antich, responsável por auxiliar nas capacitações, as aulas práticas ainda não têm data definida. “Nas práticas, ensinaremos a eles como aplicar a vacina. Será feito um teste tuberculínico nos profissionais do São Camilo que se disponibilizarem ao treinamento. Este teste, chamado também de PPD, é usado para determinar se a pessoa tem tuberculose. Aplicaremos uma pequena injeção com PPD no antebraço da pessoa e, de acordo com o tamanho do pequeno inchaço que aparecerá três dias após a aplicação, o enfermeiro saberá se houve reação a tuberculose”, explicou.

O treinamento está previsto para encerrar-se em julho. Após, os enfermeiros e técnicos em enfermagem do hospital poderão aplicar a vacina (dose única) em recém-nascidos. A mudança de fornecedor ocorreu pois, desde janeiro, havia dificuldade para aquisição da imunização, causando desabastecimento. Com a normalização dos estoques, atualmente a BCG está sendo aplicada na Unidade Básica de Saúde (UBS) Parque Claret (Av. João Neves da Fontoura, 347 - Parque Claret), nas quartas-feiras, mediante agendamento prévio. Esta medida ocorre para que não haja desperdício de doses, uma vez que um frasco contém 20 doses e tem durabilidade de seis horas após a diluição. A BCG é aplicada em dose única, ao nascer.


Texto: Luciana Abdur

gallery1