O prefeito Leonardo Pascoal assina, na próxima segunda-feira (12), às 19h, no Salão Nobre da Prefeitura Municipal (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150), a sanção da lei que dispõe sobre o Plano Diretor de Manejo das Águas Pluviais (PDMAP) de Esteio. O texto do documento foi aprovado pela Câmara de Vereadores na sessão de 30 de maio. Pioneiro no Estado, o plano foi iniciado em 2015 e mapeia com detalhes todos os pontos de micro e macrodrenagem das águas das chuvas no município. Ele permitirá o planejamento, com mais agilidade, de alternativas possíveis para a minimização das cheias no Município, assim como o acesso a recursos federais para a execução desses projetos.

 

O PDMAP atende a um dos tópicos da Política Nacional de Saneamento Básico, que repassa aos municípios a responsabilidade pelo planejamento, fiscalização, operação, regulação e gestão do funcionamento da drenagem urbana, abastecimento de água, esgotamento sanitário e resíduos sólidos. É composto por um diagnóstico da situação do sistema de drenagem pluvial do Município, incluindo mapeamento topográfico e informações georreferenciadas de todas as cerca de 5,7 mil bocas de lobo e dos mais de 300 quilômetros de redes e de canais de Esteio. Os dados foram inseridos em um software, o Sistema de Informações Geográficas, o que facilitará a elaboração de projetos e o trabalho dos técnicos da Prefeitura.

 

Faz parte do documento, ainda, o estudo de alternativas de estrutura para controlar e reduzir o risco de inundações e alagamentos na cidade. Esta análise leva em consideração também os municípios que compõem a Bacia Hidrográfica do Arroio Sapucaia. A situação atual da capacidade de vazão das águas considera o uso do solo e a evolução do adensamento urbano, bem como outros fatores que afetam a retenção e escoamento das chuvas.

 

Sanção do Plano Diretor de Manejo das Águas Pluviais de Esteio
Quando: Segunda-feira (12)
Hora: 19h
Local: Salão Nobre da Prefeitura (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150)

 

Texto: Eduardo Baratto Leonardi