Fotos: Gabriel Valença
Fotos: Gabriel Valença
Conhecer o funcionamento do Ecoponto. Este foi o objetivo da visita feita pelo prefeito de Portão, José Chagas na manhã desta quarta-feira (12). A estrutura e os serviços oferecidos na unidade, localizada na Rua da Paz, ao lado do Cemitério 2 de Novembro, no Bairro Olímpica, foram apresentados pelo secretário municipal de Obras e Serviços Urbanos, Rafael Fernandes. O chefe do Executivo portanense estava acompanhado pelo vereador de Portão Diego Martins.

A cidade do Vale do Sinos tem interesse e está estudando a possibilidade de realizar a instalação de um serviço semelhante no município e tomou Esteio como referência. “O Ecoponto é pioneiro na região e viemos aqui estudar e ver como ele funciona para que possamos instalar um projeto semelhante em Portão, para destinar corretamente os resíduos sólidos de nossa cidade”, falou José Chagas.

Durante a visita, o secretário esteiense explicou como funciona o local, como são realizados os procedimentos de separação e destinação correta dos descartes, quantas toneladas circulam por mês nos contêineres e afirmou que Esteio é parceira para ajudar a criar um Ecoponto ponto em Portão.

Funcionando de segunda a sábado, das 8h às 20h, o Ecoponto de Esteio recebe diversos resíduos como papel, plástico, vidros, restos de obras, madeiras, podas de árvores e móveis velhos, entre outros, que são armazenados em contêineres específicos para cada tipo de lixo. O local ainda possui espaços para descarte de pneus, lâmpadas, óleo vegetal (recolhidos em tonéis específicos), restos de construção civil e triturador para galhos.

O Ecoponto é destinado apenas para a população, devendo as empresas fazer o descarte adequado de seus resíduos através de outros meios. O material deve ser separado antes do acesso ao local, que se dá apenas através de veículos leves, já que caminhões não são permitidos. O local segue todas as normas ambientais de geração de resíduos sólidos, emissões atmosféricas, níveis de ruídos e vibrações, além de ter previsto ações mitigatórias, como o plantio de árvores no entorno. Além disso, o Ecoponto não tem acúmulo de materiais, já que são transportados periodicamente ao seu destino pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos (SMOSU).


Ecoponto de Esteio
Endereço: Rua da Paz, ao lado do Cemitério Municipal
Funcionamento: De segunda a sábado, das 8h às 20h
O que recebe: Papel, plástico, vidros, restos de obras, madeiras, podas de árvores, móveis velhos, pneus, lâmpadas, óleo vegetal (recolhidos em tonéis específicos), restos de construção civil, galhos e podas de árvores

Texto: Gabriel Valença

gallery1 gallery1